segunda-feira, 1 de novembro de 2010

Exelente recuperação


Numa tarde de mau tempo, a chuva deu tréguas na primeira parte. Nesse período, os homens da casa foram nitidamente superiores ao Alcaçovense que sentia enormes dificuldades para sair do seu meio campo, mas à passagem dos 25 minutos, no único remate efectuado à baliza do Cortiço, num livre quase do meio campo, a bola faz um efeito caprichoso, André defende para a frente, aparecendo um jogador das Alcáçovas a encostar para a baliza, aparecendo in extremis um homem do Cortiço a tirar a bola, o árbitro assistente assinala golo, num lance duvidoso e de difícil análise onde claro está se tem de dar o benefício da dúvida ao assistente que acompanhava o ataque das Alcáçovas. O Cortiço, que tinha entrado melhor no jogo e já tinha desperdiçado duas boas oportunidades de se adiantar no marcador, reagiu prontamente e 5 minutos depois faz o empate através de Pedro Catarro com um chapéu sobre o guarda-redes alcaçovense. Até final da primeira metade, o Cortiço continuou a dominar sem, no entanto, conseguir adiantar-se no marcador. Na segunda metade, veio a chuva forte que deixou o campo 25 Abril, em alguma zonas do terreno, impraticável e veio também a equipa Alcaçovense com outra disposição, sendo o jogo muito mais equilibrado e repartido. No entanto, as ocasiões de golo praticamente só surgiram na baliza do Alcaçovense, primeiro através de Jorge que isolado não conseguiu fazer golo, depois num pontapé de Joaquim à entrada da área e finalmente Tofi, depois de um canto, a aparecer bem ao segundo poste mas a finalizar mal. Nesse período, os visitantes tiveram um lance perigoso com um remate à entrada da área, com André a defender a dois tempos. Finalmente, ao minuto 87, depois de um pontapé do guarda-redes do Cortiço, a bola passa a defensiva dos visitantes e Jardel a aparecer isolado e a fazer o golo que garantia os merecidos 3 pontos. Vitória justa dos homens da casa, num jogo extremamente difícil, onde a equipa visitante depois de ter feito uma primeira parte aquém do seu valor, fez uma segunda parte nitidamente melhor valorizando ainda mais esta vitória dos homens da casa, que deram uma boa resposta depois do que se havia passado em Vera Cruz. Em relação à arbitragem, podemos dizer que o senhor Fernando Oliveira, que algumas vezes criticado neste blog, teve alguns erros, mas sem influência directa no resultado, com o tal benefício da dúvida no golo dos visitantes, se a bola entrou ou não.

O Cortiço alinhou com:
1- André Lopes
33- Luís Marques (c)
15- Nuno Nunes
99- Stalone
7- Carapinha
37- Joaquim
6- Ramalho
30- António
5- Pedro Catarro
17- Edgar
9- Tofi

Jogaram ainda:
3- Grulha
76- Jorge Pinto
23- Jardel

Golos: Pedro Catarro e Jardel

2 comentários:

Anónimo disse...

AGORA ADESVIEM-SE!

DESPORTO ALENTEJO disse...

VOTE NA SUA EQUIPA EM:

http://montemor-evora-arraiolos.blogspot.com/